Fechar

Bom dia, seja bem-vindo ao nosso novo site.

Atendimento

Atendimento

Ver telefones

  • Loja Bastos TEL: (14) 3478-7300
  • Loja Lins TEL: (14) 3525-0800
  • Loja Marília João Ramalho TEL: (14) 3311-7600
  • Loja Marília Thomaz Alcalde TEL: (14) 3425-2000
  • Loja Paraguaçu Paulista TEL: (18) 3362-3003
  • Loja Tupã Guaranis TEL: (14) 3391-5001
  • Loja Tupã Tupinambás TEL: (14) 3496-1928

Notícias

Acompanhe aqui todas as notícias relacionadas aos Supermercados Kawakami de Assis, Bastos, Marília, Paraguaçu Paulista e Tupã.
Grande Inauguração Atacarejo kawakami Lins
Grande Inauguração Atacarejo kawakami Lins de 01/12/2017

"No dia 07 de dezembro, grande inauguração de mais uma unidade dos

Supermercados Kawakami! Serviços e atendimento de qualidade e preços justos para

toda população! Venda no Atacado e Varejo! Venha conferir!

Kawakami - Sempre o melhor pra você!"

Continuar lendo
Reinauguração Max Café Grill – Loja da Zona Norte em Marília
Reinauguração Max Café Grill – Loja da Zona Norte em Marília de 06/11/2017

Neste último sábado, dia 04 de novembro, reinauguramos o Max Café Grill no Kawakami da Zona Norte de Marília.

De Segunda à Sexta, Buffet Livre, R$12,90 por pessoa (sem churrasco)

Sábados, Domingos e Feriados, Buffet Livre R$18,90 por pessoa (sem churrasco)

Todos os dias Churrasco R$3,99 cada 100g.

Buffet Livre:

São: 11 pratos quentes

18 tipos de saladas

04 tipos de carnes

Churrasco:

Self-Service

08 tipos de carnes

A sobremesa é grátis!

Traga sua Família para um almoço cheio de sabor e carinho!

Continuar lendo
Vendas nos supermercados crescem 4,58% em setembro, mostra Abras
Vendas nos supermercados crescem 4,58% em setembro, mostra Abras de 06/11/2017

São Paulo, 30 - Os supermercados brasileiros registraram crescimento real de vendas de 4,58% em setembro na comparação com o mesmo mês do ano anterior, conforme o Índice Nacional de Vendas da Associação Brasileira de Supermercados (Abras). O resultado desconta a inflação do período, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).No acumulado do ano até setembro, as vendas reais registram alta de 1,11% ante igual período do ano anterior.Em termos nominais, sem descontar a inflação, a alta na vendas foi de 7,25% em setembro ante igual mês de 2016. No acumulado do ano, as vendas nominais apresentam alta de 4,84%.A Abras manteve em 1,5% a expectativa de crescimento de vendas reais para o ano 2017.Projeções de NatalOs supermercados esperam um crescimento nominal de 8,34% nas vendas de final de ano em 2017 na comparação com o ano anterior, segundo dados da Pesquisa de Natal da Abras. Em termos reais, descontando-se a inflação, a expectativa é de crescimento de 0,27%.O ânimo dos supermercadistas este ano está um pouco menor do que em 2016. No ano passado, a expectativa era de alta de 0,67% em termos reais. Considerando-se as vendas sazonais e não sazonais, o mês de dezembro do ano passado terminou registrando aumento real de 2,23% nas vendas.A avaliação da Abras é que a maioria dos empresários do setor está cauteloso com as vendas de final de ano, embora tenha havido um aumento no número de empresários otimistas.Em 2017, 54% dos supermercadistas entrevistados na pesquisa projetam estabilidade nas compras junto às indústrias e fornecedores, e 24% estão mais otimistas, e acreditam em vendas superiores em relação a 2016. No ano passado, esse porcentual que acreditava no crescimento de vendas era de 16%.Assim como no ano passado, as projeções dos supermercados indicam um Natal mais econômico para as famílias brasileiras. A expectativa é de que as vendas sejam maiores em categorias de produtos mais baratos, como frango e cerveja, ao mesmo tempo em que a expectativa é de queda em termos reais nas vendas de itens mais caros, como aves natalinas."O momento político e econômico ainda gera incertezas na população, que segue cautelosa em relação ao consumo, priorizando produtos mais baratos e de menor valor agregado. A retomada do crescimento não veio como gostaríamos em 2017", disse em nota o presidente da Abras, João Sanzovo Neto.Apesar de alguns segmentos de consumo já apresentarem crescimento de vendas mais acelerado no Brasil - caso de bens discricionários como eletroeletrônicos - os supermercados ainda não enxergaram uma recuperação no volume de produtos vendidos. Dados da Nielsen apresentados pela Abras apontam que o setor acumula queda de 5,2% nas vendas em volume no ano até junho.A avaliação de empresários tem sido que o recuo nos preços de alimentos ainda não foi percebido por consumidores, os quais seguem racionalizando os gastos com alimentação dentro do lar.

Fonte: https://www.em.com.br/app/noticia/economia/2017/10/30/internas_economia,912774/vendas-nos-supermercados-crescem-4-58-em-setembro-mostra-abras.shtml

Continuar lendo
Dia das Crianças
Dia das Crianças de 16/10/2017

Os pequenos que compareceram às Lojas de Marília no dia 12 de Outubro tiveram uma surpresa

preparada especialmente para eles: escultura de balões e pipoca, da equipe do Palhaço Catatau, quee ocorreu entre 10 e 14h.

Como Surgiu o Dia das Crianças no Brasil

A proposta para a criação desta data é de autoria do deputado federal Galdino do Valle Filho. Após a sua aprovação, surgiu o Decreto de Lei nº 4867, de 5 de novembro de 1924, que oficializou o dia 12 de outubro como o Dia das Crianças.

No entanto, o dia ganhou maior popularidade a partir de 1960, quando a Fábrica de Brinquedos Estrela fez uma promoção com a Johnson & Johnson e criou a "Semana do Bebê Robusto" (como uma estratégia para aumentar as suas vendas).

A partir deste momento, a data passou a ser marcada pela oferta de presentes as crianças, principalmente brinquedos.

O Dia das Crianças coincide com o dia de Nossa Senhora de Aparecida, que é feriado.

Continuar lendo
Processo Seletivo Supermercados Kawakami Lins
Processo Seletivo Supermercados Kawakami Lins de 09/10/2017

Nos dias 09 e 10 de Outubro, nossa equipe de RH fará um Processo Seletivo na cidade de Lins para a nova loja que será inaugurada em breve.

Os curriculos serão recebidos por ordem alfabética, sendo, no primeiro dia, iniciais de A a L e no segundo dia, de M a Z.

Além de gerar novos empregos e oportunidades, a nova unidade traz serviços e atendimento de qualidade e preços justos para toda a população.

Continuar lendo
Economia 02.10.2017
Economia 02.10.2017 de 02/10/2017

A queda histórica da inflação e a lenta recuperação do mercado de trabalho estão produzindo um duplo efeito sobre a economia. Isoladamente, criam pequenos ganhos extras, dando alívio para o orçamento familiar. Mas, somados, os valores, ainda que irrisórios e liberados a conta-gotas, estão movendo o consumo e tirando o país da recessão.

No trimestre que se encerrou em agosto, a renda média das pessoas ocupadas, descontada a inflação, chegou a R$ 2.105, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em relação a igual período do ano passado, individualmente, é como se cada brasileiro tivesse, na média, R$ 39 a mais no bolso.

Fonte: http://m.folha.uol.com.br/mercado/2017

Continuar lendo